O dia em que queimei a rosca na padaria


Click to Download this video!


Um dos meus primeiros empregos, depois que fiz 18 anos, foi de ajudante numa padaria. Todos gostavam de mim porque eu era um rapaz alegre e bastante prestativo. Aprendia as coisas com muita facilidade e comunicava-me muito bem com meus colegas de trabalho.

O padeiro chefe era um homem forte, de seus trinta e poucos anos, bastante roludo, pois o volume nas suas calças chamava a atenção de todo mundo. Por mais de uma vez ele notou o meu olhar voltado para a sua virilidade e deu um sorriso sacana de superioridade que me deixou desconcertado.

Quando me tocava com suas mãos fortes eu sentia uma coisa louca, como uma corrente elétrica transpassando meu corpo.

Certa vez, para me ensinar como deveria preparar a massa para o pão, me segurou por trás, as mãos sobre as minhas em movimentos vigorosos. Roçou seu membro em minhas nádegas e senti que estava ereto, bem duro, meu coração quase solta pela boca. O pau dele comprimindo-se contra minha bunda e o bafo quente de macho no meu cangote quase me fizeram desmaiar. Fiquei de pau duro e quase ejaculo na cueca.

Quando tirei a roupa em casa para tomar banho, notei que minha rola havia babado um bocado. Soquei uma punheta me lembrando daquela cena e os jatos forte de esperma espirraram dentrto do vaso sanitário enquanto o coração bumbava forte.

Aquele homem estava me tirando o sono, me tirando do sério. Estava totalmente monopolizado pelo seu charme erótico de macho adulto e experiente.

No dia seguinte ele me deixou cuidando das rosquinhas que estavam no forno.

-Cuidado pra não queimar a rosca!

Havia um delicioso duplo sentido nas suas palavras: falou sorrindo enquanto coçava os bagos. Sua calça apertada desenhava perfeitamente os ovos grandes e a piroca imensa.

Fiquei prestando tanta atenção na sua mala que acabei deixando as roscas passarem do ponto.

Um cheiro de queimado tomou todo o ambiente.

Ele veio em meu socorro. Não havia mais o que fazer, as roscas tiveram que ir para o lixo. Ele ficou com uma na mão e me chamou num canto.

-Quem queima a rosca aqui tem que sofrer um castigo para aprender.

Eu disse que tudo bem. Ele mandou eu abaixar as calças e ficar de quatro. Eu já adivinhava o que viria a seguir e estava adorando a ideia. Ouvi o seu zíper se abrindo. Ele tirou para fora uma benga incrivelmente dura, cheia de veias, pulsando como se tivesse vida própria.

Aproximou o cabeça da pica no meu furiquinho. Senti o calor e a gosma de sua cacêta encostando no meu esfincter anal.

-Devagar, por favor, senão vai doer. Eu nunca deixei ninguém botar em mim...

Ele pegou manteiga, besuntou o membro e depois o meu bueiro apertado; aquele dedo extraordinário e grosso empurrou manteiga para dentro do meu cu me fazendo arrepiar do pescoço ao calcanhar.

Depois, com muita perícia, ele forçou a chapeleta no meu rabo quente. Doeu mas foi gostoso. Deu um pouco de trabalho para entrar aquela cabeça grande e vermelha. Depois que a glande entrou ele parou, até o meu anel anal acostumar-se com aquele intruso e a dor amenizar.

Aí atolou toda a sua rola, até o cabo. Eu vi estrelas ao meio dia. Senti os pentelhos e o saco do padeiro batendo em minha carne.

Ele fodia gostoso, com perícia, sabia fazer a coisa no capricho. Era um autêntico enrabador profissional. A rola entrava e saía do meu cu fazendo um barulho estranho: plof, plof, plof, plof...

-Porra, que cuzinho gostoso, apertado, já vou gozar...

Tirou o membro para fora e gozou na mão, onde estava a rosca queimada. Botou na minha boca e eu provei a gala grossa daquele macho misturada com o fruto da minha imperícia. Nunca havia provado algo tão gostoso, um verdadeiro manjar dos deuses.

Depois daquele dia eu nunca mais queimei a rosca, quero dizer,o biscoito; mas a minha rosquinha gulosa ficou fã do pênis do padeiro.

Naqueles tres meses que trabalhei ali, ele queimou a minha rosca anal quase todo dia...

Foto 1 do Conto erotico: O dia em que queimei a rosca na padaria

Foto 2 do Conto erotico: O dia em que queimei a rosca na padaria


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario adororolagrande

adororolagrande Comentou em 11/11/2015

Amigo, vc pos o biscoito no seu cú...

foto perfil usuario betopapaku

betopapaku Comentou em 11/11/2015

Delícia de putaria! E tome massa quente nesse forninho!

foto perfil usuario capixababi

capixababi Comentou em 11/11/2015

Depois que vi suas fotos fiquei na dúvida se queria ser você ou o padeiro!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


72428 - O dia em que chupei a rola de um deus de ébano - Categoria: Gays - Votos: 14
72668 - Quando a gente ama faz do cu uma buceta - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 13
72725 - A primeira vez que eu dei o cu - Categoria: Gays - Votos: 22
72801 - Deixa de Homofobia! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
72848 - Eu sou um feliz punheteiro - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 4
72863 - Atenção: homens mijando! - Categoria: Fetiches - Votos: 9
73055 - Eu me fudi - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 3
73084 - Os homens tem um monstro entre as pernas - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
73136 - O buraco do nosso cu é revolucionário! - Categoria: Fetiches - Votos: 8
73201 - Ode ao meu pau - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 3
73252 - Não chore pelo leite derramado - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
74135 - Festa de gala - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
74354 - Fio terra: metendo o dedo no cu dele - Categoria: Fetiches - Votos: 8
74980 - Hoje estou de saco cheio - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 4
86730 - Pentelhos - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
87162 - Soneto dos prazeres anais - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
87212 - Ode aos enrabados - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 3
87368 - As flores do vaso traseiro - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
87705 - À noite - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
91369 - A pica mole - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
91864 - Cueca - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
92106 - Unidos pelo Pau - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
92515 - Deuses Humanos - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 3
92551 - Tesão em flor - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
92814 - Polução Noturna - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
92854 - A primeira vez - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
92923 - Choro de Pica - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
92979 - Abri o meu cu para um estranho - Categoria: Gays - Votos: 4
93359 - Chupador de Pica - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 5
93423 - Pela frente - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
94595 - Bom apetite! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
94633 - Vontade de dar - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
94944 - Feliz Ânus Novo! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
95487 - O Pau Mole - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95691 - A Pica Baba - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95733 - Eu quero é rola! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95780 - Putaria - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95944 - A pica e as laranjas - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
95947 - Surra de Cacete - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
96115 - O homem das punhetas tristes - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
96261 - Saudade do teu pau - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
96299 - Autofellatio - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
96465 - Que saco! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96548 - A pica preta e longa - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96647 - A cueca no varal - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
96695 - O santo remédio - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96833 - Cossaco - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
96869 - O mundo vai acabar - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
97142 - Brincando com o meu cu - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
97337 - Um carnaval naquela pica... - Categoria: Gays - Votos: 3
97827 - Buraquinho da Pica - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
98046 - Comi ele com meu cu - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
98457 - Cu Aberto - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
98569 - Café com pau - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
98702 - A porta estreita - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
99096 - Dar o cu não é brincadeira - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
99222 - Dedo no cu - II - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
99230 - O predestinado - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
99299 - Quando me deito meu pau levanta - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
99319 - Cabelos Brancos - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
99813 - Entra e sai - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
100147 - Mete mais! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
100380 - Chupando o dedo - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
100495 - Meu pau descansa - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 3
103786 - A dedada universal - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
104586 - As picas se beijam - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 5
105386 - Gala - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
106092 - Mão Amiga - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
106401 - Felizardo - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
106654 - Gosto de pau torto - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil poetallokko
poetallokko

Nome do conto:
O dia em que queimei a rosca na padaria

Codigo do conto:
73869

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
10/11/2015

Quant.de Votos:
15

Quant.de Fotos:
2


Online porn video at mobile phone


cenas de namoroquenteinternato+contospunheta sentado no mesmo banco dela no onibuschupando o pedreiro contoprima da pra primo conto eroticoa menina vai cozinhar e velho abusa delasexoconto erotico minha esposa esperimentou a pica do negao e voltou pra casa arrombada eu vi fotosConto erótico pagando aposta do filhoinscesto conto erotico em quadrinhoanal gordinha contoshq gay primos roludoswww contos eroticos nao acrediteichupando cachorro contoConto erotico esfregei a buceta na cara de papaiquadradrinho herotico hentai na estradacontos eroticos me exibindo para instalador calcinhaconto sempre quis parte2contos veridico esposa transa com um negro bem dotado para realizar sua fantasiacontos de gajas que chupao vergasmolequinho contos erotico no centro da cidadecontos eroticos sendo posuida por um novinhohentai hq gaymetendo no cu do travesticonto porno mulher safadacontos eróticos da marilu contos eróticos brechei meu filho na madrugadae ele me fodeoConto erotico titia taratapornô em desenho animado tia e sobrinhoConto erotico violentou a casada pra vingar do maridowww.conto erotico enema grande bundatia depilando saco do sobrinhocontos de fio terrao caralho era tao grande e grosso que quase desmaiei com ele dentro do cucontos eroticos vi mamae fuderfamiliafavela.filha branquinha e pai negaoporno historias em quadrinho teste para filme porno contosensacao de garganta crescendo quando engolequadrinhos os peitos bãr xxxContos eróticos de menininhas inocentes com tios fazendo incestosquadrinho porno gordas sedutorascontoerotico dezecho da mulhercomi o cu iabuceta de vovoswing porno de noivas em quadrinhoscontos gay padrastopadrasto chupando a enteada conto ilustradoultimos contos sadomae fitness completo porndescobri a traiçao da minha mulher e me vinguei conto eroticoconto erótico esposa do irmãosexo com a minha sogra flagranteporno em quadrinhos com gostosasenfiatudonabundinhacontos eroticos gay pagodeirocontos de mulheres q fuderao com negros pausudosconto erotico chupando pica no cinema em Salvadoreu quero um filme de pornô que a mulher esqueceu de fazer a chuca e colocar cor no paugay com cu meladocontoerotico sou pastora e pequeisenti uma dor no penis e minha irma me examinou contosconto erotico enrabando o emocontos.eroticos minha irma di mini saia com um rabao cuzao virgemquadrinho ponoContos eroticos do sogro q pensou q a nora era mulher mais era um travesti pauzudocontoerotico papai goso na filhinha bbConto eróticos reais de mulheres que trabalhei no caixa de supermecadose atracando com meu amigo no trabalho conto gaycontos eroticos dentro do cinema pornocomi minha mae no dia de voto onte conto eroticopuberdade cdzinha calcinhacontos eroticos reaisconto erotico odeio pecar mas adoro pagr pemitenciacontos eroticos minha namorada e minha filhaconto erotico casada assanhada deliciosa 2017quadrinhos porno meus dois machos 2 castigada pelo filhaocontos eróticos nosso netinho e garoto de programa contos eroticos gay negao chibatanovinha da a buceta no restaurante na área de repousoconto eróticos de engravidado a prima pq a camisinha etoromenina se masturbando com casetete do policialcontos eroticos abri a xaninha delacontos de massagens erotica-amantes.blogspot.co.idporno gay josman meu selvagem e atrevido filhofoder no jardim contoscontoseroticos cagueinopaudo meufilhocaiu+na+netcoitadinhacontosporno hentail suruba novinhaVidioporno professora de quadrinhomeiri casada no porno em Uberlândiacontos sexo comi minhas 2 empregadinhasVer comtos eroticos de imSesto pegei titia com vibrador a cabei comemdo ela