Minha nova veterinária




Olá, meu nome é Pietra e tenho 18 anos, dona de um corpo bonito com curvas, 1.65 de altura, seios grandes mas bem durinhos, sou ruiva de pele bem branquinha e olhos castanho . Moro atualmente em minas gerais com meu pai Marcos, mas ele trabalha muito na nossa empresa, na maior parte do tempo tem que estar viajando. Nos mudamos recentimente para um condominio, com isso não conhecia quase ninguem, então em casa sempre está somente eu, minha gatinha neve e os empregados . Sou muito apegada a minha gatinha, mas numa tarde eu notei que ela estava muito quietinha e estranha, entrei logo em desespero e já fui logo procurar um endereço de uma boa clínica veterinária mais proxima para leva-lá . Peguei o meu carro e fui direto para lá, afim de saber oque se passava com ela,fiquei esperando por 10 min ate que eles retornassem dos exames com a neve e que eu fosse chamada pela secretaria, para ir ao consultório com ela . Ao entrar me deparo com uma mulher linda que aparentava ter seus 28 anos, morena de olhos verdes, cabelos longo, seios médios e dona de um corpo escultural; Logo que a vi senti meu sexo se molhar e acabei ficando um pouco vermelha por isso acontecer, ela me olhou assim que entrei, com uma cara de safada, era extremamente sexy com um ar de mulher dominadora e que tem atitude. Olhou no fundo dos meus olhos e com um sorrisinho disse :
- Olá, meu nome é Drt. Gabriella mas pode me chamar de gaby, serei a veterinária da sua gatinha .
- Prazer Gaby, meu nome é Pietra . Desculpe se estou um pouco nervosa, mas não quero perder minha gatinha, tem como você me ajudar ?
- Vou fazer meu melhor, desculpe a demora para te atender, mas já fui providenciando os exames da gatinha e eles devem sair dentro de algumas horas, mas tudo oque indica é que ela esteja apenas tendo uma má alimentação e precise de algumas vitaminas. Posso estar mandando um empregado daqui da clinica levar os exames da neve até sua casa, gostaria ?
- Sim, claro . Moro no condominio 'esmeralda' na casa 'laranja' .
- Nossa, mas que coincidencia, tambem moro lá, 4 casas depois da sua, na casa 'amarela' . já que somos bem dizer vizinhas eu mesmo entrego os resultados .
Ela me olhou com uma cara de quem gostaria de me devorar inteirinha, meus seios ficaram sensiveis e estava visivel que aquela situação toda havia mexido comigo .
- tudo bem então, estarei aguardando .
Sai do consultorio com minha gatinha e fui para casa, coloquei ela em sua casinha e lhe dei alguns aperitivos . Estava com um pouco de calor e decidi tomar um banho refrescante de banheira e depois me deitar, mas antes desci até a cozinha para poder liberar a empregada mais cedo, afinal pretendia ir a uma festa com a unica amiga que eu tinha aqui . Subi para meu quarto, vi que já eram 18:00 e me despi, fui para meu banheiro e enchi a banheira, entrei nela e deitei um pouco para relaxar . Comecei a me lembrar daqueles olhos famintos de Gabrielle sobre mim hoje mais cedo, passei minhas mão pelo meu corpo até chegar até no meu sexo que neste momento já se encontrava úmido e latejante de tesão, como era possível uma pessoa que ate então eu nunca tinha visto na minha vida me fazer sentir tamanho tesão ? Parei imediatamente e terminei meu banho . Ao sair do banho vesti uma langeri preta com redinha vermelha com direito até a cinta liga e coloquei um hobby de seda até der a hora de terminar de me vestir para sair . Estava tomando uma taça de vinha enquanto terminava de me maquiar quando a campainha da casa toca, me lembrei imediatamente de Gaby e fui atender . Abri a porta, quando ela me viu só de langeri com um hobby por cima ela mordeu o lábio e me olhou com cara de desejo . Ela estava com os cabelos soltos, um vestido branco um pouco justo e saltos pretos, nossa como eu estava excitada, desejava sua boca na minha mas disfarcei. Convidei-a para entrar e ela aceitou .
- Me desculpe pela demora, passei em casa antes de vir aqui entregar os resultados dos exames, e pelo oque vi sua gatinha está ótima só precisa de algumas proteinas como já havia dito ..
- Não tem problemas . Nossa fico super aliviada em saber, gostaria de me acompanhar em uma taça de vinho ?
- Bom não tenho nada para fazer, então vou aceitar .
Ela me olhava de cima em baixo, a chamei ate a sala e trouxe duas taças e uma garrafa dos nossos melhores vinhos, coloquei sobre a mesa e nos servi . Estávamos conversando sobre nossas vidas durante mais de uma 1 hora, e já estávamos um pouco mais soltinhas devido ao vinho . me virei para colocar minha taça na mesa, então ela se aproximou de mim por tras e deu um beijo em meu pescoço, respirei fundo, então fechei meus olhos. Ela começou a passar as mão pelo meu corpo e descer até chegar em minha calcinha que já estava ensopada ..
- Nossa como eu queria fazer isso desde cedo quando te vi .. queria te fuder com minha lingua e meus dedos .. ouvir você gemendo e quando gozase chamar meu nome .
- Bom só estamos nos duas aqui, então por que não faz isso ?
Gaby tirou o seu vestido me revelando estar só com uma calcinha branca fio dental bem atolada naquela bunda deliciosa .
Ela me deitou, começou a me beijar e simplesmente puxou minha calcinha do lado, foi descendo seus beijos da minha boca para o meu seio, sugava bem forte meus mamilos enquanto eu gemia, ela parou e começou a descer mais até minha boceta .
- Nossa que bocetinha linda essa sua, tão pequeninha, toda molhadinha e rosinha .
Nessa altura eu já estava louca de tesão doida para sentir aquela boca gostosa na minha bucetinha, e não demorou muito para eu sentir ela me chupando bem forte, passando a ponta da língua no meu grelinho . A única coisa que eu consegui fazer era gemer, ela me chupava tao gostoso, tao vorazmente que foi muito difícil segurar o gozo, foi quando ela disse que não queria que eu gozasse naquela hora. Ela parou de me chupar e se sentou na minha boca, fizemos um delicioso 69, eu pude sentir aquela bucetinha lisinha e toda meladinha na minha boca . Nossa como ela era gostosa, ela rebolava aquela buceta na minha cara todinha, aquele liquido gostoso que saia daquela buceta quente, estava em todo o meu rosto, cada vez mais eu a chupava com mais força e a medida que eu fazia isso ela gemia mais. Quando percebi estavmos gozando juntinhas ....

CONTINUA.......


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario fehferrie

fehferrie Comentou em 15/07/2015

Bem descrito amei o conto. Excitante!

foto perfil usuario davidcleber

davidcleber Comentou em 12/07/2015

Eita como e bom goza esperando a continuação

foto perfil usuario Soninha88

Soninha88 Comentou em 10/07/2015

delícia de conto, super excitante e bem escrito...amei e votei...bjs

foto perfil usuario morenocd

morenocd Comentou em 09/07/2015

nossa não vejo a hora de ver a continuação desse seu conto delicioso, to com a minha calcinha molhadinha de tesão

foto perfil usuario eutoaquipraver

eutoaquipraver Comentou em 09/07/2015

Lindo. Adorei

foto perfil usuario

Comentou em 08/07/2015

Pietra, que maravilha de conto. Conto além de bem escrito é muito excitante. Tens meu voto!! Bjs!!!

foto perfil usuario gatoreno

gatoreno Comentou em 08/07/2015

delícia de conto é lindo duas mulheres se amando adorei bjs em vc todinha

foto perfil usuario grego970

grego970 Comentou em 08/07/2015

Que delícia hein...deixa a doutora cuidar da sua xaninha bem gostoso...adorei e votei...e que venha o próximo!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


46704 - Minha madrasta não resistiu a tentação - Categoria: Lésbicas - Votos: 35
47025 - Fudendo minha diretora gostosinha - Categoria: Lésbicas - Votos: 27
48151 - me satisfazendo no banho - Categoria: Masturbação - Votos: 20
55165 - Passando a noite com minha Professora da faculdade - Categoria: Lésbicas - Votos: 20

Ficha do conto

Foto Perfil pietra 22
pietra22

Nome do conto:
Minha nova veterinária

Codigo do conto:
67469

Categoria:
Lésbicas

Data da Publicação:
08/07/2015

Quant.de Votos:
19

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eroticos incesto mae corpinhoContos eróticos transei com a filha da vizinhanegros dotados tarados por cu me foderao contos gayconto sexo casada 1° foi com meu cunhadoputinha inplorando po pai fode seu rabinhoquadrinho erotico do doador de espermanovinha e velho na piscina conto eroticoquadrinho pornô de borracheiro f******contos eroticos gay virei gay no exercitocontos de machos que experimentou um boquetecantos erotico fui etrupada pelo meu tioContos eroticos anal de ipatinga mgHQ porno gay brasil x-men Evolutionquadrinhos e contos eroticos filho adotadoquadrinhos eroticoscontos eroticos marido taradoanalhttp://googleweblight.com/?lite_url=http://mozto.ru/conto/75623/270189/meu-padrasto-nao-para-de-me-comer-mais.html&ei=3OhdBsVg&lc=pt-BR&s=1&m=840&host=www.google.com.br&ts=1504559040&sig=ANTY_L3NL5rkrEoVxCRsCJl2PMlI2ywMOAEu fundendo o cu da minha sogra viuva ela disse fode meu genro meu cu ai ai eu vou gozar pelo meu cu conto eroticocontos eroticos d menininhas perdendo o cabaco com papai e irmaosheila cunhada casada adoro seu cuContos eroticos cheirando calcinhas no banheiro da lojaDei por pai da minha aminguinha do quinto ano contos eroticosincesto excitante contos eroticoscarne mijadas casadas conto eroticos com fotosvideo pono pesado eaberto do popaychupei conto erotico gayConto erótico pelada chuva contos eróticos tive que dividir a namorada com os taradosme da rola sobrinho , contos eroticos contos erotico hetero com gordinhagrossopenescontos-mana peitudas e bundonas-fotoscontos de sexo forçado com velhos taradospornô dargostozofilho do pasto comendo a obreiracontos de incesto iniciandoconto erotico mamaeconto erotico gey com foto o pedreiro negãocomeu meu cuzinhocontos eroticos dando a buceta pro negrosou coroa e gosto de rfreguenta casa de swing contocontos eroticos comeram minha namorada carlinha 2contos eroticos comi minha maecontos minha vida de cornoestupram minha esposa contos eroticosfrutaporno sou loca pa trai meu maridoContos com a tia peludanao aguentei e dei pro cunhado contosdou a buceta pro meu filho conto eroticoconto gay o cadeirante pauzudo contos eroticos sentada no colo do papai noel heteroconto erótico incesto em bonito/msfilha safada que da o cu para o paisobrinha preferida contosultimos contos sadochupando no onibus conto eroticoa caminho da scanagemconto meu namorado tem o pinto muito grandecontos com iquilino com mãe bebadacontos de sexo bebada depiladacontos eroticos do larFotos arredou minha calcinha e me comeuconto erotico gay pegando pau do time de futebolContos e fotos de transando com vizinhas dona dalvaContos Eroticos - Dentista, gaycontos eroticos inversaocontos eróticos reaisContos e foTos de calcinhas gozadas meladas mae filho filharapaz rebolando na rola de 27cm de bruçovideo porno comendo a empregada gostosaconto erotico sakamotoContos comi minha mae gostosa na piscinacontos eroticos mulher de saia sozinha no cineporno e da a buceta para variosxxx fui metrocar de roupa mas acabei comendo a novinhacontos erotico o porteirowww.quero ver fotos de bucetinha inchada de tesaocontos vovosinha tomando adorei neto safadoentiadacontoeroticocontos erotico de sobrinho forcando tiacontos eroticos vi a minha mulher gigantescocontos eroticos com sogro gay gordoQuerosuabucetaamorConto erotico tive que dar minha filhaconto mama no grelinho dessa vadiazinhamãe manda foderem o cu d filho gai cont erotic