A pedidos: o coroa negão


Click to Download this video!


Esse é um conto que aconteceu há uns três anos, e gerou consequências meio traumáticas, mas a pedido do meu namorado, vou contar pra vocês.

Eu e meu namorado temos um relacionamento liberal, tipo: a gente fica a três ou faz sexo grupal com outros caras - conforme vocês lerão em outros contos - mas sempre nós dois juntos. Os dois são voyeurs e, portanto, fazer com alguém sem que o outro estivesse presente era algo que a gente não cogitava. Mas houve uma exceção, e foi assim:

Tínhamos acesso a alguns aplicativos de pegação gay, e num deles conhecemos um cara que vou chamar de Negão. Ele é meio parrudo, peito peludo, cabelo e cavanhaque grisalhos, com mais de 50 anos, ativo e, aparentemente, bem dotado. Mora na mesma cidade que nós e, um dia, nos encontramos na festa de uns amigos em comum. Na ocasião, achei o negão muito gostoso, e tinha um jeito de safado no comportamento. A festa envolvia uma piscina, e volta e meia ele saía de dentro d'água com o pretexto de mijar, e a gente via um enorme volume em sua sunga preta - parecia que ele mostrava de propósito pra fisgar alguém. Meu namorado, no dia, achou que o negão tava "se achando" muito, e deixou claro que não toparia um sexo com ele, o que me desanimou um pouco, pois desejei fazer aquele coroa. Na despedida, dei um jeito de esbarrar, "acidentalmente", minha mão no volume da sunga dele, e ele me olhou com cara de "também quero". Mas achei que ia ficar só nisso, pois meu namorado jamais iria topar ficarmos com ele. Pelo sim, pelo não, o negão pediu nossos contatos e trocamos whatsapp, mas nesse dia não passou daí.

Na época, eu trabalhava num escritório pela manhã e tinha aulas apenas dois dias à tarde. Numa dia que eu teria a tarde de folga, o negão me manda um zap convidando pra ir no apê dele, pra conversar, essas coisas que vocês já devem estar imaginando. Eu disse que tinha que ver com meu namorado, pois ele estava ocupado à tarde e à noite e eu não queria ir sozinho e tals. Mas o negão foi conversando com jeitinho e acabou me convencendo a ir sozinho lá naquele dia à tarde, "apenas para conversar e nada mais". Eu sabia que ele ia querer algo mais, mas fui decidido a não ceder, tentando uma forma de manter o contatinho interessado mas só ir pros finalmentes quando convencesse meu namorado a topar a ideia. Fui.

Chegando lá, era um apartamento pequeno, tipo quarto-e-sala, e a TV ficava no quarto. Ele estava assistindo a um filme (sobre ambiente escolar e aluno com deficiência) e ficamos conversando enquanto o filme rolava. Recatado ainda, sentei no canto da cama de casal enquanto ele estava deitado em um dos lados, de bermuda jeans e camiseta. Vendo minha resistência inicial, ele me perguntou se eu me importava se ele trocasse de roupa e botasse um short mais leve - óbvio que não me incomodei - e ele tirou a bermuda e a cueca juntas. Rola já praticamente dura, bem maior do que a média (acho que uns 18 a 19cm). Claro que olhei, hipnotizado. Ele me pediu desculpas por estar excitado e vestiu um short de tecido leve e deitou-se novamente na cama. Continuamos conversando de boa e vendo o filme. As minhas costas começaram a incomodar por não estar encostado a nada, e ele sugeriu que eu deitasse na cama pra ficar mais confortável. Aceitei, mas minha cabeça me mandando negar qualquer investida mais direta. Ele começou a manusear a própria rola por cima do short e eu vendo a barraca armando, ali, na minha frente, não tinha como não ficar de pau duro também. Quando ele percebeu que eu tava excitado, pegou minha mão e levou até o tronco que ele tem no meio das pernas. O desejo falou mais alto que a razão e comecei a bolinar a rola monstra do coroa negão. Daí passei a pegar a rola dele por dentro do short, o que fez com que ele se despisse novamente. Eu cheguei mais perto, senti o cheiro daquela coisa enorme e caí de boca, tentando engolir o máximo que podia, e o negão gemendo no meu boquete, ao passo que tentava tirar minha roupa... eu confesso que ia tentando dificultar, mas pensava: já tô fazendo 'coisa errada' mesmo, de que adianta ter pudor agora? Relaxei e deixei ele tirar minha roupa.

O negão me colocou de quatro na cama e começou um cunete maravilhoso, deixando meu cu molhadinho, mas a voz da razão tentava broxar o clima e eu dizia a ele que não queria ser penetrado - ao menos não naquele dia. Ele respeitou isso, se deitou em cima de mim, de bruços, e ficou escorregando a rola no meu rego, acho que tentando vencer minha resistência mais uma vez pra ver se eu deixava ele me comer, mas desse ponto eu não deixei passar. Pedi desculpas, me vesti e fui pra casa, deixando o negão "na mão". Com medo de discutir com meu namorado, não contei nada pra ele e ficou aquilo "escondido" mesmo entre a gente. Só que teve uma segunda vez, na qual fui pro apê do negão já sem tanto sentimento de culpa e mais disposto a encarar o que viesse. Fui num começo de noite, já nos pegamos de imediato, eu chupei a rola do negão enquanto ele, meio que num 69, deixava meu cu preparado para o que viria a seguir: me deitou de bruços na cama, vestiu a camisinha e foi, aos poucos, enfiando aquele trabuco no meu rabo. Era grande, mas o negão sabia meter, de modo que a dor inicial foi bem passageira. O negão me comia com carinho, mas ao mesmo tempo com vontade, mostrando que sabia fazer o serviço. Depois de um tempo me comendo de bruços, me fez levantar e ficar de quatro, com ele engatado no meu rabo, metendo sem pressa de gozar. Eu levava cada bombada sentindo como se fosse gozar também, sem tocar no pau, e eu gemia enquanto ele arfava a cada estocada.

De repente, o negão ficou mais determinado, me mandou deitar de costas e erguer as pernas pra ele me comer de frango assado. Foi a posição mais desconfortável, pois sentia a ponta da estrovenga do negão como se tivesse me perfurando, mas não quis saber de arregar. Continuei dando pra ele daquele jeito, até que ele, rapidamente, tirou a rola, sacou a camisinha longe e derramou seu leite quente em cima do meu peito. Alguns jatos atingiram minha barba, coisa que eu adoro (sempre que gozam em cima de mim eu vou no espelho ver meu corpo e rosto melados). Eu estava tão mole nessa hora que parecia que eu tinha gozado junto, mas acabei batendo uma punheta sentindo a gala do negão escorrendo no meu peito e gozei em seguida.

Tomei banho lá, me vesti e fui pra casa. Poucos dias depois, meu namorado acabou descobrindo tudo, tivemos uma DR daquelas, ficamos em crise um tempão, mas não rompemos. Hoje continuamos juntos, um pouco mais liberais, e ele acaba se excitando quando lembra das conversas que tivemos quando contei tudo que estou narrando agora.

Esses dias o negão me achou numa rede social e puxou papo. Não respondi até conversar com meu namorado e, dessa vez, não esconder dele sobre a reaproximação do negão. Ele agora quer que eu chame o negão aqui pra comer nós dois, ou ao menos pra ele filmar ou só voyeurizar o negão me torando com a rola monstra dele. Se isso acontecer e vocês quiserem que eu conte, é só votar e comentar aqui!


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario chaozinho

chaozinho Comentou em 18/02/2018

Viu a coisa preta ne safado.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


39727 - A melhor traição - Categoria: Gays - Votos: 9
41610 - Troca de casais - Categoria: Gays - Votos: 11
43922 - Pura Luxúria no Carnaval em Recife - Categoria: Gays - Votos: 4
47980 - Paixão antiga sempre mexe com a gente - Categoria: Gays - Votos: 3
51837 - Banheiro de boteco com o marido à mesa - Categoria: Gays - Votos: 5
58348 - Realizando um fetiche - Categoria: Gays - Votos: 7
65376 - Uma, duas... sete rolas numa noite só! - Categoria: Gays - Votos: 9
65389 - Um réveillon com boas entradas... literalmente! - Categoria: Gays - Votos: 7
65539 - Romance surpreendente - Categoria: Gays - Votos: 4
66925 - Sense8, um quintal e um flagrante - Categoria: Gays - Votos: 4
75277 - Três safadões uma puta (eu) - Categoria: Gays - Votos: 15
78177 - Casado revezou em duas varas - Categoria: Gays - Votos: 8
79193 - O Lindo da sauna - Categoria: Gays - Votos: 6
79790 - Banheiro do Carrefour - Categoria: Gays - Votos: 3
84817 - Aberta a temporada de caça aos ursos - Categoria: Gays - Votos: 3
86746 - Trenzinho da porra - Categoria: Gays - Votos: 8
87465 - Safadeza na praia quase deserta - Categoria: Gays - Votos: 5
89134 - Festinha de casais com direito a penetra - Categoria: Gays - Votos: 5
89175 - Festinha de casais com direito a penetra - Parte 2 - Categoria: Gays - Votos: 5
90724 - Creme hidratante após a praia - Categoria: Gays - Votos: 5
95750 - Turistas bem recebidos - Categoria: Gays - Votos: 1
111112 - Fui a ceia no Natal - parte I - Categoria: Gays - Votos: 1
111270 - Fui a ceia no Natal - parte II - Categoria: Gays - Votos: 3
113485 - Mamada dupla nos vizinhos da frente! - Categoria: Gays - Votos: 12
120908 - Café na cama? Não, pica mesmo! - Categoria: Gays - Votos: 6
125292 - Feriado de caça aos ursos - Categoria: Gays - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil robsonis
robsonis

Nome do conto:
A pedidos: o coroa negão

Codigo do conto:
113209

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
15/02/2018

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos erotico de animais Zoologicosconto erotico minha sobrinha gosta de me dar mamaquadrinhos eroticos violentada por um pausadocontos eroticos tesao inocente incestPrimo comendo esposa do primofilme porno de empregadasconto exortico gay colega d serviçocontos novinha delicia cunhadocontos seduzida pelo pauzao do papaiConto Erotico quadrinhominha mulher contou que ficou com a buceta arrombada em floripacontos eroticos mulher de saia sozinha no cineporno e da a buceta para variosfoder munheresconto sexo meu amigo duvidou que eu comeria sua esposacontos eroticos vida de putadei a buceta meu filho na frente de todoLactofilia com tia pornconto erotico em quadrinhõgayzibho gemendo loucamente contos heroticosxvedeo porno gay ponhetaconto erotico perfil filho1000minha mae me deixou comer ela por pena contoconto erotico de tanto meu marido existirconto erotico acabei batenndo umma punheta para o meu aluno novinhominha sobrinha casada do interior puta contoquadrinhos porno madura rabudaCravinhos porno fotosgozada conto eróticocontos de incesto mãe ensinando filha a da bucetinha na infânciacontos eroticos trai meu marido quando ele viajou com dois rokudosbonecas dotadaConto eroticos papakuconto como tornei escravo do patraoquadrinho do papai fabulosoXvodeo brechamdo a cunhada gostoConto erotico cornoContos eroticois eu meu padrastroinquilina paga aluguel mama maior pica sexo videosconto erotico meu pradinho e muito picudosogra chego em casa e pego o genro de pal duro na cama dela xvidiopornoContodeputacontos de incuboConto vendo minha mae sendo arrombadaConto erotico seduzindo comadrecontos eróticospai e filha hantai mulher do cornoConto erotico arrombei minha tia com forcaComto porno de madrinhaZoofilia franco e belinhaxvido porno pag6 dupla penetrasao com a gordinha do cornocontos eroticos gostosa de camisola e a rola grossaquando era menininha ficava com a cara cheia de catarro quando virou mulher vive com a cara cheia de porraprofessora safada_quadrinho eroticoum louco me engravidou conto eróticocontos eroticos novinho sendo enrabado a força pela primeira vezcontos a gostosanapraiaconto erotico masturbationscontos eroticos gays com vaqueiroscontos eroticos ensinando o garotinho a dirigircontos eróticos só dos corno que gosta de se castigado pela a rapariga da esposacontos eroticos incestos meu filho novinho me satisfaz enquanto o pai nao estaAgora meu casamento com a minha esposa e uma maravilha eu fudi a buceta da minha filha e fudi minha esposa elas duas juntas eu depois eu levei minha filha pro motel pra eu fuder seu cu virgem conto eroticoConto gozei sendo encoxadaroziney do porno.comconto herotico amigo rabudo lisoConto erotico Deflorandofotos coroas cu arrrgacadosconto porno foi trair e se deu malContos de vasectomiadesejos de sexo com irmao contosnaocontofilhacoroa puta quadradinho erótico